NUNCA PERCA O HUMOR

Anotações do Hospital

O fundamental para o internado num hospital é não perder o humor! A saúde, já perdeu, que mantenha pelo menos o humor, se for possível.
Foi com esse espírito que me internei na quarta-feira às 8:00.
Você recebe uma pulseirinha com seu nome, e número de seu prontuário. Isso terá uma importância inimaginavel. De dez em dez minutos vão pedir para ver essa sua pulseira, conferir o longo número do prontuário, e isso em voz alta, e repetido por um assistente, seja ele do transporte, infermagem ou outro qualquer! Chega a ser hilário. O Wood Allen já deve ter usado essa cena em seus filmes. Cansado de tanto repetir meu nome e número de prontuário passei a solicitar a mesma coisa de quem me perguntava! Acharam graça!
Você não anda de uma ala para outra com seus próprios meios! Tudo é feito com cadeira de roda, ou macas dirigidas por pessoal especializado do departamento de " transporte" do hospital. Como em determinados dias e horas, o trânsito é intenso você pode ficar, até meia hora, estacionado em box, à espera dos ditos profissionais. Mas não se deve perder o humor! Há situações muito piores.

Postado originalmente no O ÚLTIMO BLOG
e no DROPS AZUL ANISS

Um comentário:

Quase Blog da Li disse...

Edu, que bom que vc esta em ótimas mãos!
;)